Publicado por: absesimbra | 14 de Março de 2018

Pregação I João 1:4 – Sobre Alegria

Continuamos a estudar o livro de I João e estamos agora no inicio do capítulo 1. A semana passada estudámos a pessoa de Jesus na Sua encarnação/Humanidade e Pré-existência/Divindade tendo como base estes primeiros versículos da primeira carta de João.

Torna-se muito importante que cada vez mais nós como crentes possamos conhecer quem é Jesus, para assim combatermos as falsas doutrinas que por aí andam a querer minimizar a pessoa de Jesus.

Hoje pegando na expressão de João no verso 4 do capítulo primeiro desta sua carta “Para que a nossa alegria seja completa” vamos falar desta alegria.

João afirma que escreve estas coisas acerca de Jesus para que possamos ter uma alegria completa. Uma alegria não passageira, não parcial, mas sim completa e total.

Ou seja, a nossa alegria tem de estar baseada em Jesus, na nossa identidade em Jesus. É na medida que continuamos a conhecer quem é Jesus que a nossa Alegria vai sendo cada vez mais completa.

Vamos ver o que a bíblia fala acerca de alegria.

Em João 16:20-22: “O mundo ficará muito feliz com o que me vai acontecer, e vocês chorarão. Mas o vosso choro se transformará de súbito em alegria, a mesma alegria que tem uma mulher quando nasce o seu filho, pois nela, ao medo segue-se o encanto, e a dor fica esquecida. Agora têm desgosto, mas eu tornarei a ver-vos, e então alegrar-se-ão; e essa alegria ninguém vo-la pode rouba.”
João relatou umas palavras de Jesus quando Este falava acerca da alegria que vamos ter vs a tristeza que sentimos. É possível sentirmos tristeza, pois não somos imunes a este sentimento. Mas a tristeza de agora não se comparará à alegria que um dia vamos sentir na presença de Deus. Então temos de adquirir esta alegria, com fé em Jesus Cristo. O mundo estar alegre com o que acontece a Jesus, mas depois conforme diz em I Pedro 4:12-13 quem confia em Cristo terá a maior alegria.

 

“Queridos amigos, não se admirem quando vierem a passar por provas ardentes como se algo de estranho vos sucedesse. Pelo contrário, alegrem-se por essas provações vos tornarem companheiros de Cristo nos seus sofrimentos; e depois terão o gozo e o privilégio de participar na manifestação da sua glória.”

Assim entendemos que a nossa alegria tem de estar baseada e firmada na eternidade e não nestas coisas passageiras deste mundo perecível. Já ensino semelhante Jesus dá quando afirma que devemos juntar tesouros no céu e não na terra.

Irmãos a nossa vida tem de ser começada a ser vivida e direcionada para o eterno para o céu e não para o terreno. Com esta premissa tudo fará mais sentido.

Com esta verdade faz todo o sentido o que o Apóstolo Tiago escreve na sua carta ao povo de Deus que vivia na altura:

“Tiago, ao serviço de Deus e do Senhor Jesus Cristo, saúda todo o povo de Deus disperso por todo o mundo. Meus irmãos, considerem-se felizes quando tiverem de passar por provações. Porque se a vossa fé for posta à prova, tornar-se-á mais perseverante que ela resista pois até ao fim, e assim a vossa formação se completará, com uma conduta íntegra, e serão maduros espiritualmente.” Tiago 1:1-4

Sendo assim verificamos que a Alegria é algo que adquirimos, é uma característica do nosso carácter que somos impelidos a adquirir. E torna-se mais fácil quando temos um conhecimento de quem é Deus (daí perceber a identidade de Jesus, quem Ele é) e quando estamos focados não nos negócios desta terra, mas sim nos “negócios” da eternidade… quais são os “negócios” da eternidade?

Mudança de carácter para sermos mais parecidos com Cristo e ganharmos almas para Deus, com o fim de dar glória a Deus. São estes os “negócios” da eternidade… não são casas, não são carreiras profissionais, não são bens materiais, não é dinheiro… nada disso passará daqui deste mundo perecível.

Assim obter Alegria é obter mudança de carácter porque a nossa natureza leva-nos a nunca estarmos satisfeitos com nada a querermos sempre cobiçar mais e mais, e a nossa alegria encontra-se incompleta… ela só estará completa se colocarmos Jesus Cristo com a primazia sobre as nossas vidas.

Lendo o relato de Paulo aos Gálatas daquilo que é o fruto do Espírito, ou seja, daquelas que têm de ser as características da ação Bíblica em nós, da ação do Espírito Santo em nós vemos que a alegria está lá:

“Mas o fruto que o Espírito produz em nós é: o amor, a alegria, a paz, a paciência, a bondade, a delicadeza no trato com os outros, a fidelidade, a brandura, o domínio de si próprio. Em relação àqueles que vivem desta maneira, a lei nem sequer tem necessidade de existir.” Gálatas 5:22
E este fruto deve ser visível no exterior. Todo o bom carácter produzido pelo Espírito Santo torna-se visível e isso atrai as pessoas para Deus.

“Um rosto alegre traduz a felicidade dum coração. A aflição do íntimo reflete-se na expressão que apresenta.” Provérbios 15:13

E essa alegria passa para os outros principalmente no corpo de Cristo que é a Igreja:

“Quando os outros são felizes, acompanhem-nos na sua felicidade. Se estão tristes, compartilhem a sua tristeza.” Romanos 12:15

Assim conclui-se que a nossa alegria deve ser algo que depende de Deus, que deve estar focada e firmada nas coisas do Reino de Deus, que é uma característica de carácter formado pelo Espírito Santo e que deve ter repercussões na minha vida diária nos uns aos outros.

O que fazer quando a alegria desparece?

A resposta está em Neemias 8:10, numa circunstância em que o povo estava a chorar e tinha perdido a esperança Neemias afirma isto:

“Não chorem, sobretudo num dia como este! Hoje será um dia consagrado ao Senhor vosso Deus. Vão comer uma boa refeição, disse-lhes eu, e mandem presentes aos que são necessitados. Não estejam tristes, porque a alegria do Senhor é a vossa força!”

A Alegria do Senhor é a nossa força… esta frase tantas vezes usada como chavão ganha agora um novo sentido quando percebemos que a nossa alegria tem de estar baseada em Deus, daí fazer todo o sentido conhecer quem é este Deus, e como Ele se revelou na pessoa de Jesus Cristo.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: